APAS apoia Semana Nacional de Mobilização contra Aedes aegypti


De 26 a 30 de novembro de 2018, as Secretarias de Estado da Saúde, Educação, Meio Ambiente, Desenvolvimento Social e o Conselho de Secretários Municipais de Saúde (Cosems-SP) se unem na Semana Nacional de Mobilização Contra as Arboviroses.  .

Sob o lema “Todos juntos contra o Aedes aegypti” ações conjuntas, entre o poder público, a sociedade civil e a população em geral têm conquistado melhores resultados na prevenção e controle da dengue, chikungunya e Zika no Estado de São Paulo, arboviroses que têm o mesmo vetor responsável pela transmissão aos humanos.

O calor e as chuvas, típicos das estações primavera e verão, tornam o ambiente propício para a instalação de criadouros e proliferação do Aedes. É nesse momento que as ações de prevenção têm maior eficácia em proteger a população contra as arboviroses. O controle do mosquito depende de constante vigilância nos locais onde ele mais prolifera, como imóveis residenciais, públicos, privados, escolas, hospitais, bancos etc.

Sem o Aedes, não tem dengue, Zika nem chikungunya. Nesse sentido, as quatro pastas do Governo do Estado – Saúde, Educação, Meio Ambiente e Desenvolvimento Social – e o Cosems-SP, juntos, conclamam a todos, poder público estadual, municipal, sociedade civil, entidades privadas, parceiros da saúde e a população em geral, para que participem ativamente da “Semana Nacional de Mobilização Contra o Aedes aegypti”, que acontece de 26 a 30 de novembro, com o Dia D no dia 30.

A proposta dessa ação é promover uma grande varredura para retirada e eliminação de criadouros e orientar a população para que dedique o sábado como o dia de combate aos focos do Aedes. Em menos de 15 minutos é possível inspecionar a casa e acabar com os recipientes e locais com água parada. Essa varredura também é imprescindível nos órgãos públicos. Para isso, destacamos o Decreto 62.130 de 29/07/2016, que determina: “todo órgão público deve constituir Brigada de Combate ao Aedes para manter a vigilância e o controle do Aedes aegypti nos seus imóveis, de acordo com orientação da Sucen” disponível no link: http://www.saude.sp.gov.br/sucen-superintendencia-de-controle-de-endemias/homepage/outros-destaques/brigada-contra-o-aedes.

Lembrando que os inservíveis coletados pela população terão destino definido pelo órgão municipal, já os inservíveis gerados nos prédios públicos estaduais deverão ser encaminhados aos órgão próprios de destinação ou ao Fundo Social de Solidariedade. Esta ação concentrada e simultânea com certeza vai impactar positivamente na diminuição da infestação do mosquito e promoverá a proteção da população contra as arboviroses.

Participe e compartilhe com seus amigos. Um grande movimento pela saúde de todos depende da ação de cada!

Veja o vídeo produzido pelo Ministério da Saúde para a Campanha de Mobilização contra o Aedes. Se tem chuva, tem mais mosquito!


Tags:


Notícias relacionadas


Últimas Notícias


menu
menu